Norma Europeia ENV 1627-1630 - Classe de Resistência das Portas de Segurança


Na União Europeia o nível de resistência das portas de segurança é regulado pelo uso da Norma Europeia ENV 1627-1630Esta norma específica 6 níveis / classificações de resistência conforme abaixo:
  • RC 1 (Resistance Class 1 – Classe de Resistência 1) - Componentes de edifício provêem proteção básica contra tentativa de roubo usando violência física (arrombamento);
  • RC 2 - tentativa de arrombamento utilizando ferramentas simples (chaves de fenda e alicates);
  • RC 3 - tentativa de arrombamento utilizando outro tipo de ferramenta (alavanca);
  • RC 4 - tentativa de arrombamento utilizando ferramenta adicional de percussão;
  • WK 5 e 6 - tentativa de arrombamento utilizando ferramentas como rebarbadora ou berbequim;

O mais comum de ser encontrado no mercado são as portas de segurança com nível 3 ou 4 de classe de resistência. 


(atualização de outubro 2021)

Um tema importante que muita gente já me perguntou, tem que ver com a qualidade geral da infraestrutura que suporta a porta blindada. É muito importante que o pré-aro a instalar seja reforçado, para que a porta de segurança tenha uma boa base para assentar.

Caso isso não aconteça, acaba por ser um ponto fraco que pode ser explorado, mesmo que até tenha uma porta de nível 6.

Assim, não se esqueça de procurar uma serralharia de confiança e solicitar orçamento para a instalação da porta de segurança, acompanhada do pré-aro.


Comentários

  1. Boa noite,
    Pode pf ajudar e informar qual é a legislação actualmente em vigor para avaliar o grau de segurança para portas blindadas em edifícios de utilização pública?
    Obrg

    ResponderEliminar
  2. Olá Boa noite,
    Pode por favor explicar melhor o que pretende?
    As portas serão para aplicar onde?
    Na entrada do edifício?
    Existe diversa legislação para edificios de utilização pública mas a maioria dessa legislação regula questões técnicas associadas a capacidade de portas corta-fogo.

    Pode dar uma vista de olhos neste decreto lei.

    http://dre.pt/pdf1s/2008/11/22000/0790307922.pdf

    Abraço,
    JS

    ResponderEliminar

Enviar um comentário